16 de nov de 2015

Foi roubar

Safira era uma moça bonita com cabelos de fogo e olhos grandes. Casou-se muito cedo, teve dois filhos e saiu de casa por apanhar do marido. Trabalhava num supermercado, embrulhando sucos orgânicos e bolachas recheadas que nunca poderia comer. Um dia, chegou em casa, e o filho chorava de fome. O dinheiro havia acabado, e o leite, também. Chorou um pouco, bateu na casa do vizinho, pediu uma arma emprestada e foi roubar.