25 de jul de 2006

Defina viver



Esse raio de ofício precisa do tempo todo da gente. Tenho projeto de voltar no fim do ano... Vou pintar mesmo. E se tiver que aguentar um trapézio, não faz mal, já estou de couro duro e não penso vender mais meu tempo para coisas que te estouram a cabeça e aleijam o que tenho de bom.

Carybé

18 de jul de 2006

Rima pobre


Deveria ser terminantemente probido rimar amor e dor. Anos e anos de uma cultura besta que só faz avacalhar as coisas.

15 de jul de 2006

A experiência de conhecer


Só depois foi perceber o que havia vivido naqueles dias. Algo como a experiência de viver ou ainda a experiência de conhecer a vida. Porque a vida de que todos falam, aquela a que todos aspiram, só pode ser aquilo. A experiência profunda de conhecer alguém, de explorar outra existência, de abandonar aquela série de coisas que aos poucos conduzem à morte. E conhecer alguém é tão raro, requer uma certa descontração e um certo abandono. Ao conhecê-lo havia inaugurado uma nova vida, iluminada por aquela experiência. A partir de então experimentava outra existência. Como se a vida anterior cedesse lugar à próxima. Como se a partir daqueles dias todas as coisas e todas as pessoas, até mesmo as mais antigas, fossem vividas sob a regência de novos valores. E o fim de semana, depois percebeu, foi o começo da vida.